Open/Close Menu Site da Dra. Carolina Ambrogini, Ginecologista e Obstetra em São Paulo - SP, Especialista em Saúde Feminina e Sexualidade, consultório na Vila Olímpia.
vontade de transar some

Não é uma situação pela qual qualquer uma de nós queira passar, mas é comum um belo dia perceber que a vontade de transar sumiu. “30% das mulheres vão se queixar de falta de libido em algum momento da vida”, afirma a ginecologista e sexóloga Carolina Ambrogini. Para ficar mais palpável, visualize o seguinte: a cada grupo de 10 mulheres, 3 estarão nesta situação mais cedo ou mais tarde. Bastante gente, né?

E o número pode ser ainda maior, pois a porcentagem se baseia na quantidade de mulheres que relatam o sumiço do tesão no Projeto Afrodite, do Departamento de Ginecologia da Universidade Federal de São Paulo – Unifesp, do qual Carolina é coordenadora. “Muitas mulheres pelo mundo, fora do projeto, não falam sobre o assunto, guardam para elas”, ressalta a ginecologista. Infelizmente, sexualidade ainda é um tabu para muita gente…

Ninguém está livre de passar por isso, então não se sinta mal se uma dessas mulheres for você. Vamos entender por que o desejo sexual pode sumir e como resolver o problema.

Autoestima sexual x libido

Carolina revela que a forma como a sexualidade de uma mulher foi construída interfere demais em sua autoestima sexual, ou seja, no modo como ela encara o sexo. “O Brasil é um país machista e a mulher muitas vezes tem essa ideia de que precisa estar sempre pronta para o sexo, e não é bem assim. Daí ela se sente mal e a libido cai”, diz.

O tipo de relações sexuais que a mulher vem tendo também afeta a autoestima sexual. Se apenas o prazer do homem é levado em consideração e ela nunca tem a chance de chegar ao orgasmo, é natural que perca o interesse por fazer sexo. Qual é o sentido, afinal, se dali não sai sensação nenhuma?

Como recuperar a vontade de transar: Se colocando em primeiro lugar; nada de transar quando não estiver com vontade, nada de fingir orgasmo. Comece a explorar seu corpo e a encontrar o que lhe dá prazer – trocando em miúdos, aproveite todo o prazer que a masturbação pode lhe trazer. Só assim você conseguirá, inclusive, expressar o que quer que o outro faça na hora do sexo para você chegar a um orgasmo.


Matéria originalmente publicada no site M de Mulher.
Ilustração: Ile Machado

2018 © Carolina Ambrogini

Desenvolvido por S2W