Open/Close Menu Site da Dra. Carolina Ambrogini, Ginecologista e Obstetra em São Paulo - SP, Especialista em Saúde Feminina e Sexualidade, consultório na Vila Olímpia.
   Meus amores, a quantidade de comentários que recebo com a frase ” me ajude por favor” é enorme. Uma mostra de quanto a nossa população é carente de informações sobre medicina e em especial, por sexualidade.
   Não nascemos “experts ” em sexo, vamos descobrindo aos poucos com o que nossos pais nos explicam e muitas vezes, estes não explicam nada! Talvez por vergonha, ou apenas por achar que conversar abertamente sobre sexo, seria um estímulo que impulsionaria os filhos a iniciarem sua vida sexual mais cedo. Muitos preferem reprimir e assustar as filhas com a possibilidade de uma gravidez na adolescência. Dados mostram que é justamente nas famílias mais repressoras e conservadoras que a gravidez entre as jovens mais ocorre.
   Muitas vezes são com os amigos que nos informamos sobre sexo e infelizmente, estes vão passar ideias de suas próprias experiências sexuais o que não corresponde a realidade universal. Em sexualidade, há uma diversidade enorme e o que não foi bom para um, não significa que será ruim para o outro. Um bom exemplo disto, é a primeira experiência sexual das meninas. As amigas conversam entre si e se uma fala que doeu muito, a outra já vai para a sua “primeira vez” tensa e cheia de medos.
    Outra fonte de informação é a internet, por isto chegam a mim tantos pedidos de ajuda. Muitas querem saber se podem estar grávidas e me colocam mil datas, num desespero total. Outras querem saber se o hímen delas se rompeu após algum episódio sexual, outras querem receitas milagrosas para levantar a libido e “salvar o casamento”. Muitas me escrevem descrevendo situações clínicas querendo uma “consulta” , querem saber porque continuam sangrando depois de colocar o Mirena ou porque tem cólicas, etc. Pior, outras querem saber onde compram testosterona, como se tomar esta medicação fosse como usar um tilenol.
   Amores, entendam que aqui de longe não posso ajudar ninguém e nem consigo já que as perguntas são muitas. Por isto parei de responder comentários e faço Posts sobre os principais assuntos que chegam. Esta é a minha maneira de ajuda-las.
   Cada uma de vocês que me manda um desesperado “me ajude” precisa de uma avaliação completa de um médico ou de alguém especializado em sexualidade. Para as que estão na dúvida se engravidaram ou não, só teste de gravidez mesmo, mas antes aguardem a menstruação atrasar. Existe a possibilidade? Se você transou sempre existirá esta possibilidade, principalmente se não usou algum método contraceptivo. Se você não é mais virgem? Não sei querida, só dá para saber após um exame ginecológico e não tente ficar vendo se seu hímen se rompeu, ele é difícil de ser avaliado, você vai se confundir.
   Sei que a carência de médicos é grande no país, mas ficar dando opinião pela internet pode só piorar a questão.
   Para as que tem questões sexuais e moram em São Paulo capital ou região, há o Projeto Afrodite, serviço gratuito, cujo telefone está aí no Blog, ok?
   E me desculpem pelos Me ajudes sem resposta, mas acho que esta não é realmente o objetivo do Blog!
 Beijão!

2020 © Carolina Ambrogini

Website gerenciado por Meu Consultório Digital

Siga-me nas redes sociais
InstagramWhatsApp