Open/Close Menu Site da Dra. Carolina Ambrogini, Ginecologista e Obstetra em São Paulo - SP, Especialista em Saúde Feminina e Sexualidade, consultório na Vila Olímpia.
parar-de-usar-camisinha

O artigo abaixo foi originalmente publicado em minha coluna Ame seu Corpo da Revista Cosmopolitan Brasil. Boa Leitura!


Posso parar de usar camisinha com meu parceiro fixo?

A decisão de interromper o uso do preservativo acaba acontecendo à medida em que as relações começam a se tornar mais estáveis. Passa haver um envolvimento emocional e o medo inicial vai dando lugar a um sentimento de confiança. Muitas vezes, o casal se incomoda com o uso da camisinha e decide parar, já que a mulher pode evitar a gravidez de outras formas.

 O problema é que um laço de confiança atual não abole o passado da pessoa, quando ela pode ter se contaminado com uma doença sexualmente transmissível. Por isto, o ideal seria não parar com o preservativo, mesmo depois de uma conversa franca sobre o passado ou eventuais exames que os parceiros resolvam fazer.

Os exames não podem ser totalmente confiáveis já que, para cada doença, existe um período de janela imunológica, quando os anticorpos específicos ainda não são detectados, gerando falsos negativos. Eles teriam que ser repetidos de 6 em 6 meses para uma maior segurança, o que não acaba acontecendo na prática. Como não dá para saber fielmente sobre o passado e o dia de amanhã, onde eventuais relacionamentos extraconjugais podem ocorrer, a camisinha continua sendo o melhor remédio contra dor de cabeça e insônia.

2020 © Carolina Ambrogini

Website gerenciado por Meu Consultório Digital

Siga-me nas redes sociais
InstagramWhatsApp