Open/Close Menu Site da Dra. Carolina Ambrogini, Ginecologista e Obstetra em São Paulo - SP, Especialista em Saúde Feminina e Sexualidade, consultório na Vila Olímpia.
    É, o universo e a gravidade são injustos mesmo, principalmente, com nós mulheres. E NÃO BASTA ter se virado nos trinta pra fazer o seu exercício aeróbico duas vezes por semana. Se você não fizer o maldito ANAERÓBICO, sua bunda vai cair sim! Muito difícil esta vida!
   Quer dizer então que além dos dois dias de aeróbicos você tem que fazer mais dois de anaeróbico? Pois é, um complementa o outro. O primeiro faz você ter condicionamento cárdio-vascular, ajuda a queimar gordura, o segundo elimina as pelancas e (yes!) também ajuda a queimar gorduras. Sim, vocês sabiam disto? O músculo é um tecido que consome muitas calorias, portanto se você fizer musculação, as fibras musculares se hipertrofiam e demandam por mais calorias, acelerando o metabolismo. Você gasta mais calorias mesmo em repouso.
   Além disto, o pico de massa óssea se estabelece por volta dos 35 anos. Depois disto, começa a cair lentamente e após a menopausa, despenca, podendo gerar a osteoporose. E o que faz formar osso? Atividade física (de médio impacto e musculação), consumo de cálcio ( três porções de leite e derivados) e sol (como vivemos em um país tropical, esta não é uma grande preocupação, exceto pelo uso cada vez maior do protetor solar…). 
   Ah, tá bom. Não fica aí reclamando que fazer musculação é muito chato. Eu também acho. Boring, igual fazer esteira. Dá uma preguiça…Para as que não gostam, como eu, exitem algumas alternativas mais interessantes: o pilates e o treinamento funcional.
   O pilates usa a força do corpo como peso, gerando um trabalho muscular efetivo. O centro da força parte do abdome, que vai virando tanquinho (YES, YES,YES!). Além disto, a respiração regrada, junto com a concentração mental e com o equilíbrio exigidos tornam o pilates um exercício quase completo (falta só o condicionamento cardio-vascular…). Mas tem que fazer no mínimo, duas vezes por semana, senão não adianta.Sou viciada, não vivo sem!
   O treinamento funcional, querida, é punk….mas perfeito para as sem-tempo. Ele associa condicionamento aeróbico com musculação. Resumindo, intercala uns sprints aeróbicos com exercícios de musculação F….de forma que a frequencia cardíaca não cai. Trabalho muscular e aeróbico ao mesmo tempo. Perfeito, não é? Mas eu só consigo fazer uma vez por semana, porque fico tão acabada…Meu objetivo é conseguir fazer duas vezes, intercalando com o pilates.
   Olha, não vai falar que eu sou madame , que vivo em academia, hein? Pelo contrário, eu sou bem ocupada, viu? É que coloquei a atividade física como uma das minhas prioridades. Posso te dar umas dicas?
– Deixar a hora do exercício para quando “der tempo” é um erro. Dificilmente vai sobrar tempo! Tem que ser regrado, com horários pré-estabelecidos. O horário da minha ginástica é sagrado. Muitas vezes me organizo conforme as aulas.
– Fazer ginástica em grupo é bem legal. Eu sempre tinha preguiça de ir sozinha. Você pode combinar com uma amiga (ficar de tricot enquanto malha, faz a hora passar bem mais rápido) ou ir em aulas coletivas. A música animada e a diversidade dos exercícios e aulas ajuda a não ficar chato e repetitivo.
– Tente colocar o exercício de manhã, no final do dia você já está mais cansada…a não ser que fique mais bem disposta à noite.
– Se você não gosta de academia, pode se adaptar a uma atividade física ao ar livre, como corrida ou bicicleta. Vamos combinar que esteira e aqueles outros aparelhos são mega-malas, não é mesmo? Você fica o tempo todo de olho no relógio e um minuto não passa! Ou  tem uma televisão com um programa muito legal ou haja força de vontade. Lembro que quando estava malhando para perder meus quilinhos da gravidez, amamentava meu filho e ia correndo para uma academia na esquina da minha casa, fazer esteira vendo a reprise dos programas do GNT. Ia três vezes por semana, e ficava 1 hora na esteira, perdi tudo…
Mas, voltando, experimenta correr ao ar livre com uma música bem animada. Rende muito mais e é bem mais prazeroso!
– Falta de tempo não é desculpa! Quem quer arruma 45 minutos três vezes por semana. Acorda mais cedo, deixa o filho com a mãe, compra o DVD da Solange Frazão e faz em casa, corre na praça, no parque, na praia,  ao redor do quarteirão…
– Coloque na cabeça que atividade física é para sempre, até o último dia de vida. Não é só para emagrecer. É para ter saúde, para não morrer de enfarto, para subir uma escada sem bufar, para não ter câncer de mama, nem TPM, para ficar com a bunda dura (melhor coisa) e para se sentir mais disposta, sexy, etc.
   Posso mais duas palavrinhas? Determinação e compromisso com a pessoa mais importante da sua vida: você!
Bjs.  Espero não ter sido muito chata…

2020 © Carolina Ambrogini

Website gerenciado por Meu Consultório Digital

Siga-me nas redes sociais
InstagramWhatsApp