Open/Close Menu Site da Dra. Carolina Ambrogini, Ginecologista e Obstetra em São Paulo - SP, Especialista em Saúde Feminina e Sexualidade, consultório na Vila Olímpia.

Vejam esta pergunta sobre o uso da Testosterona por mulheres para aumentar o desejo sexual.

Pergunta:Olá Dra. Carol! Estava pesquisando no google sobre libido e achei seu blog. Tenho 31 anos, sou casada há 8 anos e temos uma filha de 7. Meu casamento não poderia estar na melhor fase, de verdade. Meu marido é um lord, e somos apaixonados um pelo outro. Entrei numa dieta com acompanhamento nutricional há 7 meses, continuo nela. Já perdi 19 quilos, faltam 5. Estou linda, numa fase ótima comigo e com a vida.
Mas, continuo sem libido. Procurei meu ginecologista, e ele me prescreveu uma pomada (Testosterona A) pra eu aplicar no antebraço. E em paralelo a isso, eu comentei com minha nutricionista que estava sem libido. Ela disse que era normal, por conta da dieta. E me recomendou Tribulus Terrestris.
Comprei Androsten (Tribulus Terrestres 250mg) e comecei a tomar 3 vezes ao dia, manhã tarde e noite. Nada!
Depois de 4 dias, a pomada que meu ginecologista mandou manipular ficou pronta. Já estou no segundo dia de pomada no antebraço, e no sexto (ou sétimo) dia de tribulus… E NADA!!!
Me ajuda, por favor?


Resposta:  Olá, obrigada pela pergunta! 
Vamos lá, o uso da Testosterona por mulheres é amplamente citado pela literatura médica, principalmente nas mulheres após a menopausa, no entanto, muitos países ainda não aprovaram a sua industrialização pelas empresas farmacêuticas. Os Estados Unidos e o Brasil se enquadram nestes países, talvez por todo alárdio que a imprensa fez com relação à incidência de câncer e uso de hormônios. Os órgãos reguladores como o FDA americano e a ANVISA, querem mais pesquisas, apesar de nenhuma até agora, ter feito esta associação. 
A Testosterona na Europa e na Austrália é utilizada sob a forma de patch (adesivo) há 4 anos com boa segurança e pouquíssimos efeitos colaterais. Infelizmente aqui, todas as prescrições de testosterona tem que ser manipuladas, com isto não temos a garantia da qualidade e pureza do produto, sem falar que os médicos não estão habituados a prescrever testosterona, cada um prescreve de um jeito, quando tem coragem de prescrever.
Intrinsa- adesivo de Testosterona

Tenho uma experiência de 10 anos prescrevendo testosterona e nunca ouvi falar de Testosterona A. Você está certa desta formulação?  
De qualquer forma, somente dois dias de uso é muito pouco. Se resolver (já que não é pra todo mundo que resolve), você vai começar a sentir os efeitos em 15-20 dias.
Quanto ao Androsten, esta medicação tem efeito apenas placebo, sem pesquisas confirmando sua eficácia. Não tenho boas experiências com ele.
Você usa algum método hormonal para evitar gravidez? Eles também podem ajudar a diminuir a libido.  
Outra pergunta: você já tentou erotizar a sua relação? Porque amar seu parceiro não significa sentir desejo por ele. Aliás, o sentimento de ternura que o amor traz, é ótimo para espantar a libido. Esta precisa de novidade, de aventura, de imaginação, de fantasia…já falei sobre isto em alguns posts aqui no blog, dá uma pesquisada.
Beijos e boa sorte!

P.S.- No último congresso mundial de sexualidade que aconteceu o ano passado em Chicago, a International Society of Sexual Medicine organizou um abaixo assinado para coletar 1 milhão de assinaturas para que o FDA aprovasse o uso de medicações industrializadas para o uso em mulheres, incluindo a testosterona. Eu assinei, é claro! Mais cedo ou mais tarde eles vão aprovar!

2020 © Carolina Ambrogini

Website gerenciado por Meu Consultório Digital

Siga-me nas redes sociais
InstagramWhatsApp